DISTRICT 9
Música composta por Clinton Shorter

Selo: Sony
Catálogo: Download
Lançamento: 2009
Faixas

1. District 9
2. I Want That Arm
3. She Calls
4. Exosuit
5. Harvesting Material
6. Heading Home
7. A Lot of Secrets
8. Back to D9
9. Wikus Is Still Running
10. Got Him Talking
11. Prawnkus


Duração: 29:45
Cotação:


Comentário de
Tom Hoover

 
Se você está pelo menos em parte por dentro da última temporada de verão nos cinemas estadunidenses, então sem dúvida sabe que District 9 teve uma ótima repercussão junto ao público. Seu score, de Clinton Shorter, merecidamente foi lançado via iTunes, de onde pode ser baixado por 8 dólares. A razão de estar disponível por este preço baixo é o fato de que a trilha sonora mal alcança os 30 minutos de duração. Neste caso, no entanto, o que conta é a qualidade, não a quantidade.

Eu gostei do filme District 9, apesar de sentir que ele esteve longe de ser grandioso - o que, afinal de contas, é uma expectativa injusta em relação a qualquer filme. Com hype ou sem hype. No lugar de um grande filme temos um exemplar inteligente e divertido do cinema, que merece ser considerado até como acima da média em relação aos filmes de ficção científica da atual safra. De fato, o diretor Neill Blomkamp merece sua cota de elogios por ele. E o mesmo se aplica ao compositor Clinton Shorter.

Quando assisti D9 no cinema, percebi que o score de Shorter afirmou-se muito bem dentro da estrutura do filme. A música foi habilmente colocada e reproduzida nos níveis certos, especialmente durante algumas das sequências de maior ação. No entanto, não foi até ouvi-lo em separado do filme que eu percebi o quão excepcional era este score. Tempo de execução mínimo ou não, esta é uma trilha sonora gratificante de se ouvir.

Esta trilha tem personalidade. Ela também tem um ritmo muito bom. Aproveitando belos vocais de inspiração africana, a música de Shorter é melódica e direcionada à ação, tendo seu quinhão de motivos dramáticos para manter você ligado aos personagens. Com isso, é importante notar que nenhum destes elementos soam artificiais ou forçados; você pode simplesmente deixar a música tocar e curtir a viagem. E quando para mim esta viagem chegou ao fim, posso dizer que fiquei bastante satisfeito com o que ouvi. Os destaques incluem os vocais já referidos e o uso da percussão por Shorter, ambos sendo uma combinação perfeita para um drama sci-fi ambientado na África do Sul.

Não se amedronte com o tempo de execução deste disco. Sinceramente, ele não parece ser curto. Na verdade, esta trilha sonora assemelha-se a uma seleção de destaques ou coletânea; há algo para gostar em cada uma das suas 11 faixas. E que venha District 10!

CDs COMENTADOS