PANIC ROOM
Música composta e regida por Howard Shore

Selo:
Varèse Sarabande
Catálogo:
302 066 346 2
Ano: 2002

9 Faixas

Duração: 30:06
Cotação:


Comentário de
Iordan Stoichkov

 

Quando parecia que Howard Shore não poderia mais nos surpreender, após a sua triunfante obra para O Senhor dos Anéis, eis que chega uma nova e brilhante criação deste versátil compositor. Panic Room é o novo filme do aclamado diretor David Fincher (Alien 3, Seven), uma história de suspense como apenas ele sabe conduzir e que tem como protagonista Jodie Foster. A música original de O Quarto do Pânico possui tudo o que se poderia esperar de seu compositor... e mais. É uma partitura bem sombria e, sem dúvida, muito efetiva.

Neste caso Shore utilizou uma orquestra onde na seção de metais não há trompetes, e cujo centro são as cordas. Desta forma, obteve um som muito homogêneo e sinistro. O “Main Title introduz o motivo principal de Panic Room: uma combinação de quatro notas de registro grave, tocadas por cordas em uníssono. Imediatamente, a melodia retoma uma base rítmica. A mesma se repete, mais desenvolvida, na faixa seguinte, “Caution-Flammable”, na qual se juntam os metais dissonantes, criando um efeito ameaçador. A obra continua evoluindo no particular estilo politonal do compositor.

Em temas como “Working Elevator” podemos constatar que a percussão também desempenha uma função muito importante. Mas é em “What We Want is in That Room” onde podem ser apreciados os efeitos musicais mais interessantes, que demonstram ser Howard Shore um verdadeiro mestre da orquestração. Panic Room volta a colocar Shore no estilo que o fez famoso, o do suspense. Apesar da duração do CD limitar-se a meia hora, ele fará uma excelente companhia com suas obras já clássicas, como Silence of the Lambs, Seven e The Game.

CDs COMENTADOS