RETURN OF THE MAGNIFICENT SEVEN
Música composta e regida por Elmer Bernstein

Selo:
ST2
Catálogo:
50011
Ano: 1998

16 Faixas

Duração: 34:52
Cotação:


Comentário de
Ricardo Augusto de Souza da Silva

 

Este CD também poderia se chamar "The Magnificent Score", já que a maior parte do score é composto de temas enérgicos, até porque não poderia ser diferente - a história e o clima desértico são amenos? Como acontece em algumas partituras, por se tratar da continuação do filme The Magnificent Seven (1960), não foram compostos novos temas, houve sim a regravação dos temas do primeiro filme, desta vez em estéreo. A qualidade do CD é ótima, só não ficou melhor porque não foi remasterizado em 24-BIT, além do que há a idade da gravação. A primeira faixa do CD "The Magnificent Seven" é a concert version do tema principal. Ela é incrível, a imponência deste tema traduz o espírito desbravador dos cowboys que cruzavam o deserto. Como não assisti a nenhum dos dois filmes e só ouvi o score do segundo, este tema me soou algo olímpico, ficaria excelente este sendo interpretado pela The London Symphony Orchestra com Elmer Bernstein na regência.

Os outros destaques são "Return of the Seven", "Mariachis de Mexico" - este tema, apesar de fazer alusão a música típica mexicana, não segue o ritmo a risca (ainda bem!) - e os demais são "El Toro", "The Journey" e "Finale". De todo o score,  esta música é a única mais "calma", pelo tema ser tão emotivo eu diria que é quase angelical. Ainda bem que os produtores do CD tiveram o bom senso de não incluir a música com um coro masculino que canta Seven, Seven, Seven!... O álbum tem três faixas que contém somente diálogos do filme, além da faixa interativa com o trailer de dois minutos do filme. Não espere qualidade de video-cassete da imagem, o vídeo reproduz no formato Quick Time, mas se você tiver o Windows Media Player a imagem melhorará um pouco.

O encarte possui várias fotos (em cores) da produção do filme, infelizmente não incluíram sequer uma foto de Elmer Bernstein durante a gravação do score. Aproveite que o CD é nacional, numa rara iniciativa uma gravadora daqui se arrisca a lançar um score "desconhecido" para os não fãs. É lamentável que o tema principal (composto em 1960) esteja vinculado a algo tão nocivo como é o cigarro. Alguns irão discordar, mas para mim Elmer Bernstein foi o melhor no gênero western porque seus temas foram mais imponentes e alegres, mas enfim é questão de gosto.

CDs COMENTADOS