TOTAL RECALL: THE DE LUXE EDITION
Música composta e regida por Jerry Goldsmith

Selo:
Varèse Sarabande
Catálogo:
66197
Ano: 2000

27 Faixas

Duração:
73:58
Cotação:


Comentário de
J
orge Saldanha

 
O Vingador do Futuro, bem sucedida aventura de sci-fi comandada por Paul Verhoeven e estrelada por Arnold Schwarzenegger, marca o final de um ciclo de grandes trilhas de ação compostas por Jerry Goldsmith, nos anos 70 e 80. Baseado em uma história do escritor Philip K. Dick, o mesmo autor de Blade Runner, Total Recall forneceu abundantes elementos de violência, imaginação e mistério para que Goldsmith compusesse um dos seus scores mais inspirados, muito apreciado por seus fãs.  Embora à primeira audição o material apresente ampla predominância de ação, há suficientes sutilezas, e até algum lirismo, que dão profundidade à trilha. Nada sutis são os primeiros acordes de "The Dream" , que, propositalmente ou não, lembram a abertura de Conan, O Bárbaro, de Basil Poledouris.

Mas em seguida Goldsmith nos apresenta um tema vibrante com acompanhamento eletrônico, sobre o qual metais e violinos desenvolvem o motivo principal que será ouvido em outros momentos da partitura. Goldsmith também utiliza um segundo motivo de 8 notas, ouvido pela primeira vez em "First Meeting", e que retorna em momentos-chave do filme para nos lembrar que tudo o que estamos vendo pode ser parte de uma ilusão na mente de Quaid (Schwarzenegger). Como um todo, o score é uma balanceada combinação de orquestra e sintetizadores, impulsionado em grande parte por percussão eletrônica. A edição original, da própria Varèse (lançada no Brasil em LP, no início dos anos 90), com pouco mais de 40 minutos de duração e contendo as melhores faixas de ação, sempre foi considerada pelos colecionadores como uma boa representação da trilha em disco.

Mas é indiscutível que este novo lançamento permite que, pela primeira vez, a trilha de Total Recall possa ser estruturalmente avaliada de maneira concisa, em sua (quase) totalidade. É um dos últimos trabalhos de Goldsmith que resiste a uma audição de mais 70 minutos. Não que o compositor esteja em franca decadência - mesmo Hollow Man é superior à maioria das trilhas atualmente produzidas em Hollywood, porém é incontestável que o ímpeto e a criatividade que impregnam clássicos como A Profecia, Jornada nas Estrelas - O Filme e Instinto Selvagem, hoje estão muito diminuídos. Apesar de Jerry já ter composto grandes trilhas para filmes ruins, parece que hoje estão faltando, ao compositor, bons filmes que realmente estimulem sua arte.

CDs COMENTADOS