DEMOLIDOR, O HOMEM SEM MEDO (EDIÇÃO ESPECIAL
Direção: Mark Steven Johnson
Elenco: Ben Affleck, Jennifer Garner, Michael Clarke Duncan, Collin Farrell

Distribuidora: Fox
Região: 4
Ano: 2003

Nº de discos: 2
Cotações:

Filme:
DVD:

Comentários de
Jorge Saldanha

O FILME  
Mais uma criação de Stan Lee para os quadrinhos, Daredevil surgiu em 1964 e, por muito tempo, foi visto como um primo pobre de Spider Man. O super herói é, na verdade, Matt Murdock, que em um acidente de infância com uma substância química radioativa, perdeu a visão. No entanto, a mesma substância que o cegou aguçou seus outros sentidos, em especial a audição. Matt aprende a "ver" através dos sons, e desenvolve extraordinárias agilidade e força física. Depois que seu pai é assassinado a mando do Rei do Crime (personagem importado das páginas de Spider Man), o jovem resolve fazer justiça com as próprias mãos. Assim, de dia ele é o advogado cego que tenta colocar os malfeitores atrás das grades. À noite ele coloca o traje vermelho do Demolidor e elimina os criminosos que ele falhou em condenar nos tribunais. O Demolidor talvez seja o mais dark dos super-heróis da Marvel, e ao longo dos anos foi escrito e desenhado por vários artistas. Mas realmente se consolidou entre os leitores quando, nos anos 80, Frank Miller (o mesmo que criou o clássico de Batman "O Cavaleiro das Trevas") assumiu as histórias, aprofundou os personagens e, principalmente, introduziu a memorável assassina ninja Elektra, com quem o “Homem sem Medo” manteve uma relação de amor/ódio. No final dos anos 90 o novato Mark Steven Johnson foi contratado para escrever o roteiro da adaptação cinematográfica, que seria dirigida por Chris Columbus. Mas o projeto passou da Fox para a Sony, que ao final desistiu dele em favor de Homem-Aranha. No final das contas, Demolidor, o Homem sem Medo voltou para a Fox e acabou sendo dirigido por Johnson, com base em seu próprio roteiro. Mesmo não sendo uma produção do nível de Homem-Aranha e X-Men 2, Daredevil incorpora elementos da melhor fase do personagem, a de Frank Miller, e se sai bem. Além da origem do Demolidor, vemos seu romance com Elektra e seus confrontos com os vilões Mercenário e Rei do Crime. O elenco não decepciona: Ben Affleck convence como Murdock/Demolidor; Colin Farrell faz um Mercenário memorável; Michael Clarke Duncan, apesar de negro, faz um Rei do Crime perfeito; e, finalmente, a atlética e linda Jennifer Garner (da série de TV Alias) rouba a cena toda a vez que surge como Elektra Natchios. A produção é bem cuidada e as cenas de luta bem dosadas e coreografadas, mas há falhas que não passam despercebidas: o roteiro desenvolve razoavelmente os personagens e é cheio de referências aos quadrinhos, mas conduz  a um final anti-climático e um tanto inconclusivo. E a trilha de Graeme Revell é fraca - o tema do herói é uma pobre variação de duas notas!

O DVD
Após lançar Demolidor em um DVD simples para locação, a Fox colocou o filme no mercado em duas versões: uma, que é a mesma anteriormente disponível apenas para locadoras; a outra, analisada neste comentário, é uma edição para colecionador dupla que contém o mesmo DVD para locação e outro disco apenas de extras, com uma luva de cartolina envolvendo a embalagem plástica e que ainda traz, de brinde, quatro cards com os personagens principais do filme. Tecnicamente este lançamento está à altura de outros similares da distribuidora, como X-Men 1.5 e 007 - Um Novo Dia para Morrer. O filme é apresentado em widescreen anamórfico na proporção 2.35:1, otimizado para monitores 16x9. A qualidade da imagem é excelente, com notáveis resolução e contraste. O nível de preto é sólido, e não há artefatos de compressão visíveis. Uma das queixas de quem assistiu ao filme nos cinemas é de que ele era muito escuro, fato que em absoluto não se repete em DVD. Mesmo nas cenas noturnas acompanhamos a ação sem qualquer problema. O áudio, como em outras edições da Fox, é um show à parte, realçado pela característica única deste filme. Já que o Demolidor utiliza sua aguçadíssima audição para “ver” e se locomover, os engenheiros de som expandiram a espacialidade do áudio e capricharam nos efeitos surround: na cena em que o garoto Murdock acorda cego no hospital, somos bombardeados por sons de todas as espécies, que vem de diferentes direções e de todos os canais. O resultado, estupendo principalmente na faixa de áudio DTS 5.1 em inglês, é repetido em outros momentos do filme. Além da faixa DTS, temos também faixas de áudio Dolby Digital 5.1 em inglês, português e espanhol. As legendas são em português, espanhol e inglês.

OS EXTRAS
Como não poderia deixar de ser em uma “Edição de Colecionador” da Fox, os extras são abundantes e satisfarão plenamente os curiosos em desvendar os segredos da produção do filme e voltar às raízes do super-herói, nos quadrinhos. O disco 1, além do filme que pode ser visto em um modo de exibição avançado com 8 segmentos multi-ângulos por trás das câmeras, apresenta comentários em áudio do diretor/roteirista Mark Steven Johnson e do produtor Gary Foster, além de comentários em texto. Mas é no disco 2 que está o créme de la créme dos extras, como segue:

- Making Of “Além da Cozinha do Inferno: Criando o Demolidor” – Detalhado documentário apresentando entrevistas com o diretor, produtor, elenco, etapas da produção e cenas de bastidores, e que adicionalmente também pode ser assistido em modo avançado, de modo a incluir featurettes sobre aspectos específicos da produção;
- Teste de Jennifer Garner para o papel – Apesar de gravado em VHS de qualidade sofrível, é uma curiosidade imperdível para os fãs da atriz;
- Cenas multi-ângulos – Podemos assistir em vários ângulos a trechos de duas cenas do filme: o confronto final do Demolidor e o Rei do Crime e a luta entre Elektra e o Mercenário;
- Vilão apresentando: O Rei do Crime – Um perfil do vilão principal do filme, com comentários bem humorados de Michael Clarke Duncan;
- Especial da HBO “Primeiras Cenas” – Documentário exibido na HBO quando da estréia do filme, apresentado por Jennifer Garner em um ambiente que simula as páginas de um gibi;
- Movendo-se no Espaço: Um dia com Tom Sullivan – Interessante featurette sobre Sullivan, cego de nascença que atuou como consultor do filme;
- Trailers de Cinema – Um teaser e dois trailers;
- Clipes Musicais – “Won't Back Down” (Fuel), “For You” (The Calling) e “Bring Me to Life” (Evanescence);
- Galeria de Fotos – Divididas em cinco categorias: Storyboards, Figurino, Desenho de Cenário, Fotos de Produção e Objetos Usados no Filme;
- Homem sem Medo: A Criação do Demolidor – Longo documentário desvendando a origem e a evolução do personagem nos quadrinhos, que inclui depoimentos de Stan Lee e de artistas que trabalharam na criação das revistas, como John Romita (pai e filho), Frank Miller, Kevin Smith e outros;
- Uma Viagem pelo Mundo das Sombras – Comparativo, entre os quadrinhos e o filme, de como o Demolidor utiliza seus sentidos superdesenvolvidos;
- Fichas dos personagens na “Marvel Enciclopedia”;
- Easter Eggs (não adianta me perguntar quais são porque ainda não descobri!!).

Enfim, com um bom filme apresentado de forma estupenda e acompanhado de ótimos extras, o DVD de Demolidor, O Homem sem Medo merece ser assistido e explorado por muitas horas - comendo pipoca.

DVDs COMENTADOS