LUZES DO ALÉM
Direção: Patrick Lussier
Elenco:
Nathan Fillion, Katee Sackhoff, Ed Anders, Joshua Ballard, Kendall Cross, D. Harlan Cutshall, Tom Elkins, Craig Fairbrass, Erika-Shaye Gair, Tammy Gillis, Adrian Holmes
Distribuidora: Universal
Duração: 99 min.

Região: 1, 4

Lançamento: 30/01/2008

Nº de discos: 1
Cotações:
Filme
DVD

Comentários de
Jorge Saldanha

SINOPSE
Abraham Dale (Nathan Fillion), após ver sua família ser brutalmente assassinada e sobreviver a uma tentativa de suicídio, sofre uma transformação que lhe permite "ver" aqueles que estão prestes a morrer. Mas quando tenta salvar as pessoas de seus destinos descobre que há um preço a pagar, por interferir na ordem natural da vida e da morte.

COMENTÁRIOS
Luzes do Além é uma seqüência sem qualquer ligação direta com Vozes do Além (2005), que já não era lá essas coisas. O que esperar então desta continuação menor, feita com um elenco principal retirado de séries de TV? Nathan Fillion e Katee Sackhoff, apesar de terem feito alguns filmes, são mais conhecidos pelas séries Firefly e Desperate Housewives (Fillion) e Battlestar Galactica (Sackhoff). Mas este não é um problema, já que ambos são ótimos. O fato é que, seja por culpa do roteiro cheio de clichês, ou da direção medíocre de Patrick Lussier (Drácula 2000), o filme não é totalmente bem sucedido em conquistar o espectador. A exemplo do longa anterior, a trama se baseia em relatos pretensamente verídicos de paranormalidade, no caso os relacionados aos “Eventos de Quase-Morte”. Se antes a ênfase era na comunicação com os mortos através de sons ou vozes captados por equipamentos eletrônicos, aqui o negócio é prever a morte das pessoas. O protagonista, após testemunhar o assassinato de sua esposa e filho em circunstâncias bizarras, tenta se suicidar. Mesmo tendo diagnosticada sua morte clínica, ele é ressuscitado e descobre que, além de ouvir vozes em transmissões eletrônicas, também vê fantasmas e luzes que envolvem pessoas prestes a morrer. A partir daí Dale decide salvar as futuras vítimas – o que, previsivelmente neste tipo de filme, trará conseqüências funestas.

O que complica esta produção é que, a partir de elementos alegadamente verídicos como estatísticas e dados científicos, ela envereda pelo terreno da mais absoluta fantasia. Isso acaba passando ao espectador a sensação de que ele foi ludibriado. Se é para ser fantasia, que se assuma como tal que a diversão é mais garantida. Além disso o filme usa e abusa de elementos de incontáveis filmes orientais de fantasmas, e até mesmo de ação e de super-heróis. De qualquer forma, pesando os prós e os contras e se visto sem grandes expectativas, deixando o pseudo caráter “verídico” de lado, Luzes do Além pode ser um bom passatempo, chegando até a provocar mais sustos que o original - que é o que realmente importa neste tipo de filme.


O DVD
Luzes do Além recebeu da Universal um DVD bem básico, mas que pelo menos não faz feio nos quesitos de imagem e som. A transferência utilizada apresenta o filme em seu aspect ratio original 2.35:1, otimizado para televisores 16:9 (anamórfico). A imagem é ótima, clara, nítida e sem artefatos de compressão. O áudio Dolby Digital 5.1 em inglês, português e espanhol é usado de forma superlativa, colaborando bastante para criar uma efetiva ambientação de suspense. Na verdade, o som é o elemento chave para criar o clima de suspense e os sustos. O ouvinte é cercado pelas vozes que Abe escuta, e as aparições repentinas de espectros são marcados por sons agressivos. As legendas também estão disponíveis em inglês, português e espanhol.

OS EXTRAS
Em comparação ao DVD lançado nos EUA, Luzes do Além perdeu três featurettes que totalizavam quase 29 minutos de duração. Como extras, restaram apenas várias cenas excluídas / estendidas que somam 33:37 min., e incluem um final alternativo.

MENUS
Os menus são estáticos e bem pobres.

DVDs COMENTADOS