MORRICONE POR MORRICONE - EU AMO CINEMA E MÚSICA
Direção: Giovanni Morricone
Participações de:
Ennio Morricone (maestro), Susanna Rigacci (soprano), Gilda Buttà (piano), Ulrich Herkenhoff (flauta doce), Henry Raudales (violino), Norbert Merki (viola), coral Bavarian Radio Chorus, Orquestra Filarmônica de Munique
Distribuidora: Versátil
Duração: 100 min.
 

Região: 4

Lançamento: 03/04/2007

Nº de discos: 1
Cotações:
Filme
DVD

Comentários de
Jorge Saldanha

O CONCERTO
Este DVD traz o registro de um concerto realizado no dia 20 de outubro de 2004 em Munique, onde Ennio Morricone regeu a Orquestra Filarmônica de Munique e o coral Bavarian Radio Chorus, interpretando uma seleção de músicas de 18 de suas trilhas sonoras originais. Vendo – e ouvindo – o sério Morricone, do alto de seus à época 75 anos e com mais de 400 trilhas sonoras em seu currículo, é impossível não se impressionar com a qualidade do trabalho do “Il Maestro”, presente até mesmo em obras pouco conhecidas pelo público. Sem, dúvida, um grande contraste com o grosso da produção da música de cinema atual, dominada por formulismos e uma falta de criatividade alarmantes. Por sorte, ao contrário de tantos outros compositores do cinema que já nos deixaram, Morricone tem registrados em DVD dois excelentes concertos – O Arena Concerto e este gravado na Alemanha, agora lançado no Brasil.

O repertório deste concerto de Munique é eclético, englobando várias fases e estilos do veterano maestro italiano. Em blocos temáticos, são apresentadas seleções de seus trabalhos desde os anos 60, como os clássicos spaghetti westerns representados aqui por músicas de Três Homens em Conflito, Era Uma Vez no Oeste e Quando Explode a Vingança, até obras mais recentes como Canone Inverso. Dos scores mais conhecidos de Morricone temos o nervoso tema de abertura de Os Intocáveis, a música inspiradora de A Lenda do Pianista do Mar e “Cockey’s Song” de Era uma vez na América, destacando a flauta doce do solista Ulrich Herkenhoff. Aliás, um dos destaques deste concerto são os excelentes solistas, como a soprano Susanna Rigacci, que com sua voz transmite toda a suave melancolia do tema de amor de Era Uma Vez no Oeste e mais adiante, juntamente com o coral e a orquestra, nos dá uma exuberante interpretação daquela que é a minha composição preferida de Morricone – a fantástica “The Ecstasy of Gold”, de Três Homens em Conflito, que em conjunto com as imagens criou um momento memorável do cinema. Uma verdadeira apoteose musical que fecha, com chave de ouro, a primeira parte do concerto. Mas como já havia citado antes, até obras menos conhecidas do italiano surpreendem, como a cativante e hipnótica música para o filme H2S, os ostinatos de bateria de Os Sicilianos e as duas composições de Numa Noite, um Jantar. Também digno de nota é o realismo e os ruídos industriais de A Classe Operária Vai ao Paraíso. O concerto se encerra com uma suíte de um dos hits de Morricone (curiosamente, um de seus trabalhos que menos me atrai), A Missão, que indiscutivelmente tem uma bela melodia que destaca o oboé. Enfim, um concerto a ser degustado por fãs de Morricone e da boa música, seja ela feita para as telas ou não.

Repertório:

1. Os Intocáveis (1987) - Tema principal
2. Era uma Vez na América (1985) - "Deborah's theme", "Poverty" e Tema Principal
3. A Lenda do Pianista do Mar (1998) - Tema principal
4. Cinema Paradiso (1988) - Tema principal
5. H2S (1969) - Tema principal
6. Os Sicilianos (1969) - Tema principal
7. Numa Noite, um Jantar (1969) - Tema principal
8. Numa Noite, um Jantar (1969) - "Uno che grida amore"
9. Maddalena (1971) - "Come Maddalena"
12. Era uma Vez na América (1985) - "Cockey's Song"
13. Três Homens em Conflito (1966) - Tema principal
14. Era uma Vez no Oeste (1985) - Tema principal
15. Quando Explode a Vingança (1971) - Tema principal
16. Três Homens em Conflito (1966) - "Ecstasy of Gold"
17. Canone Inverso (1999) - Tema principal
18. Investigação sobre um Cidadão Acima de Qualquer Suspeita (1970) - Tema Principal
19. Páginas da Revolução (1995) - Tema principal
20. A Classe Operária Vai ao Paraíso (1971) - Tema principal
21. Pecados de Guerra (1989) - Tema principal
22. O Deserto dos Tártaros (1976) - Tema principal
23. A Missão (1986) - Tema principal

O DVD
A Versátil deve ser parabenizada pelo oportuno lançamento deste concerto, que ocorreu aqui após Morricone ter recebido seu Oscar honorário e antecedendo seu concerto de abertura do MÚSICA EM CENA – 1º Encontro Internacional de Música de Cinema, dia 05/05/2007, no Rio de Janeiro. Este DVD foi originalmente lançado pela EuroArts na Alemanha contando com áudio DTS 5.1 e Dolby Digital 5.1. Aqui ficamos apenas com esta última opção, com legendas em português. Mas a mixagem Dolby Digital é ótima, com um bom balanceamento dos canais frontais reproduzindo fielmente a experiência de um concerto, e os canais surround providenciando a necessária ambientação da platéia. De modo geral o áudio é luxuriante e potente, contudo os instrumentos solo foram mixados num volume mais baixo que o desejável, fazendo com que, por vezes, seu som seja suplantado pelo da orquestra. Quanto à imagem, deve ser mencionado que o lançamento europeu usava uma transferência PAL, e a versão nacional usa uma conversão para NTSC – mas que não apresenta comprometimento ou perda aparente de qualidade e mantém o formato original widescreen anamórfico 1.66:1. O registro do concerto foi muito bem feito, com várias câmaras fixas que captaram com elegância e com uma movimentação de lente no máximo discreta, todos os detalhes da apresentação. A edição é acadêmica e elegante, não estragando o fluxo natural do concerto, exceto quando suas imagens são substituídas por cenas de alguns dos filmes correspondentes à música executada. Seria preferível que essas imagens fossem inseridas numa janela menor, sem interrupção do que acontece no concerto, até porque foram utilizadas cópias ruins dos filmes, e colocá-las em tela cheia só destaca sua qualidade medíocre. Ainda bem que isso ocorre apenas em pouquíssimos momentos, mas pelo menos no caso de Três Homens em Conflito poderiam ter sido usadas cenas do DVD remasterizado, que possui imagem excelente.

OS EXTRAS
Infelizmente o item mais fraco deste lançamento, já que o único material suplementar presente são algumas telas de texto que contém a biografia de Ennio Morricone. Uma entrevista com o maestro, pelo menos, seria muito bem-vinda, mas se isso nos serve de consolo o DVD original não traz extra nenhum, apenas um encarte com notas do organizador do concerto.

IMAGENS

DVDs COMENTADOS