QUINTA DIMENSÃO - PRIMEIRA TEMPORADA
Direção: Vários
Elenco:
Beau Bridges, Alyssa Milano, Ryan Reynolds, Rae Dawn Chong, Rebecca De Mornay, Robert Patrick
Distribuidora: Fox / MGM
Duração: 978 min.

Região: 4

Lançamento: 12/04/2007

Nº de discos: 5
Cotações:
Filme
DVD

Comentários de
Jorge Saldanha

A SÉRIE
Na primeira metade dos anos 1960, duas séries de ficção científica fizeram grande sucesso na televisão americana: Além da Imaginação (The Twilight Zone), de Rod Serling, e Quinta Dimensão (The Outer Limits), de Joseph Stefano. Apesar de serem antologias (cada episódio é independente, com temática e personagens variados), possuíam grandes diferenças: enquanto a primeira trilhava também os caminhos da fantasia, a segunda se prendia exclusivamente à ficção científica. Ambas passaram na TV aberta brasileira há uns 40 anos, e lembro que, ainda criança, alguns de seus episódios me davam medo. Principalmente de Quinta Dimensão, com seus alienígenas, monstros, robôs e cientistas malucos. Até mesmo a narração inicial, e depois a final (que normalmente trazia alguma lição de moral do tipo “isto é o que o homem ganha por querer brincar de Deus”), me dava arrepios. Apesar de Além da Imaginação ter ressurgido posteriormente na TV e inclusive ter dado origem a um filme razoável (No Limite da Realidade, 1983), foi Quinta Dimensão que, 32 anos após sua estréia, conseguiu retornar com uma nova versão que fazia jus à original, e que durou nada menos que sete temporadas. Originalmente produzida pela MGM para o canal a cabo Showtime, ela estreou em 1995 com o episódio-piloto “Reis da Areia”, típico da tradição da série original (com narração e tudo, além da clássica introdução “Não há nada de errado com a sua televisão”). Ele trata de um cientista, Beau Bridges, que é consumido pela obsessão em criar insetos inteligentes, chocados a partir de ovos encontrados em amostras de solo marciano. Os episódios seguintes, com 45 minutos cada, mantiveram o padrão com histórias inteligentes escritas especialmente para a série ou adaptadas livremente de obras de autores como Melinda Snodgrass e George R.R. Martin. Por exemplo o episódio “Eu, Robô”, como já indica o nome, foi inspirado pela clássica obra de Isaac Asimov. Apesar de na época contar com os melhores recursos disponíveis para a TV, os efeitos visuais em CGI hoje podem ser considerados precários – o que não tira a força da série, baseada principalmente em roteiros bem escritos e ótimas atuações de atores e atrizes conhecidos do cinema e da televisão. Nestes episódios temos as participações, entre outros, de Nancy Allen, Michael Dorn, Robert Patrick, Leonard Nimoy, David Warner, Lloyd e Beau Bridges (que no episódio piloto repetem sua relação de pai e filho da vida real). Por ser produzida para um canal a cabo, a série pôde ousar mais em termos de violência, nudez e temas mais adultos, o que reforça a impressão de estarmos assistindo a um filme de 45 minutos, e não a um programa de TV.

O DVD
Resolvidas as pendências de distribuição entre Fox, MGM e Sony, a primeira recomeça a lançar no Brasil em DVD as séries da MGM. Simultaneamente à segunda temporada de Stargate SG-1, é disponibilizada por aqui esta primeira temporada da nova versão de Quinta Dimensão, infelizmente num box pouco caprichado. Os cinco discos contendo os 22 episódios da temporada estão contidos em embalagens individuais do tipo amaray slim, todas envolvidas numa luva de cartolina plastificada. Os menus são estáticos, visualmente pobres. Os episódios são apresentados em seu formato original de vídeo full screen 1.33:1, com qualidade de imagem decepcionante. Como é comum em séries produzidas até meados dos anos 1990 (não sei se por culpa do filme utilizado, ou pela deterioração posterior da película), a imagem de boa parte dos episódios apresenta perceptíveis falta de nitidez e granulação, problemas agravados em monitores de maiores dimensões. Uma pena que não se investiu na remasterização de imagem e som. O áudio original em inglês, apesar de “apenas” ser 2.0, é de qualidade bem melhor. Estranhamente a única outra opção de dublagem é em espanhol (também 2.0), apesar desta série ter sido exibida anos atrás pelo canal pago MGM com dublagem em português.

OS EXTRAS
Infelizmente parece que há uma crescente tendência das distribuidoras nacionais em baixar o padrão dos lançamentos em relação aos similares do exterior. Além da simplificação das embalagens, vêm coisas mais graves como a eliminação de extras, vídeo fullscreen, áudio 2.0... Tenho até dúvidas se isso representa redução de custos para as distribuidoras, porque para realizar essas alterações é necessário fazer novas e pioradas autorações dos DVDs. E para o consumidor, é discutível se essas mutilações que reduzem a qualidade do produto compensam a redução no preço, que no final das contas nem é tão grande assim. No caso desta primeira temporada de Quinta Dimensão os extras simplesmente inexistem - lamentavelmente a Fox eliminou os cinco documentários que o box da Região 1 trazia. Nota zero neste item.

IMAGENS

DVDs COMENTADOS