ALIEN - A RESSURREIÇÃO (Alien: Resurrection, EUA, 1997)
Gênero
: Ficção Científica, Terror
Duração
: 107 min
Estúdio
: Fox
Elenco:
Sigourney Weaver, Winona Ryder, Dominique Pinon, Ron Perlman, Gary Dourdan, Michael Wincott, Kim Flowers, Dan Hedaya
Roteiristas: Joss Whedon
Compositor: John Frizzell
Diretor:
Jean-Pierre Jeunet

ALIEN - A RESSURREIÇÃO é o ponto mais baixo de todas as continuações do excepcional filme de Ridley Scott, produzido em 1979. Se o terceiro já havia fracassado graças a um roteiro ruim, o que dizer dessa quarta parte que consegue a proeza de trazer de volta da tumba a Tenente Ripley, morta no final do ALIEN 3? Cientistas a serviço do governo fazem isso pois querem pegar o alien que estava dentro da barriga dela, para criar uma nova geração para a ser usada como armas de guerra.

Para isso, constroem um clone da tenente a partir de um fio de cabelo que havia sido preservado. É claro que os bichos fogem e passam a perseguir todos que estão a bordo da nave científica. Daí pra frente não há mais história e só sobra ficar tentando adivinhar quem vai ser o próximo a morrer, e de que maneira - e novamente os personagens mais interessantes (como o capitão da nave pirata, interpretado por Michael Wincott) são eliminados logo de cara! 

É tanta bobagem junta que só consegue provocar gargalhadas. A direção do francês Jeunet (de DELICATESSEN), que apela a todo momento para o bizarro e para o grotesco, parece totalmente inadequada a esse tipo de projeto e ajuda ainda mais a destruí-lo. Nem os aliens são mais os mesmos, limitando-se aqui a fazer "caras e bocas" enquanto perseguem desajeitadamente (graças a efeitos digitais do tipo videogame) os ridículos tipos que desfilam pela tela. 

É lamentável ver a ótima Sigourney Weaver perdida em um personagem tosco e sem nexo - mistura de ser humano com alien? - que passa a maior parte do tempo sem ter o que fazer ou dizer até o final realmente constrangedor. Com o fracasso total dessa quarta parte vamos torcer para que os executivos de Hollywood deixem de vez o Alien descansar em paz em algum canto escuro do universo... 

Cotação:

André Lux

VOLTAR