Primeira Impressão
www.scoretrack.net

Título original: A SCANNER DARKLY
Diretor: RICHARD LINKLATER
Roteirista: RICHARD LINKLATER
Produtores: ANNE WALKER-McBAY, TOMMY PALLOTTA, PALMER WEST, JONAH SMITH, ERWIN STOFF
Produtores Executivos: GEORGE CLOONEY, STEVEN SODERBERGH, JENNIFER FOX, BEN COSGROVE, JOHN SLOSS
Diretor de Fotografia: SHANE F. KELLY
Desenhista de Produção: BRUCE CURTIS
Montagem: SANDRA ADAIR
Figurinista: KARI PERKINS
Música: GRAHAM REYNOLDS
Elenco: KEANU REEVES, ROBERT DOWNEY JR., WOODY HARRELSON, WINONA RYDER, RORY COCHRANE

05 de janeiro de 2007

O HOMEM DUPLO

Loucura ou realidade? Esqueça tudo que você já viu até agora! Em O Homem Duplo (A Scanner Darkly), filme baseado num livro de Philip K. Dick (Blade Runner, O Vingador do Futuro), o espectador terá uma noção do que os usuários de droga passam em suas vidas, como a sensação de estar sendo perseguido por seres fora de nossa realidade, planos mirabolantes para se levar uma vida saudável, etc.

Colabora para isso o processo utilizado para a realização: o longa foi filmado, finalizado e editado da mesma forma que um filme normal com atores, e depois as filmagens foram passadas aos animadores, que usaram um processo de animação digital para “pintar” as imagens.

A história conta em detalhes muitas vezes surreais o dia a dia do homem que trabalha sem sequer conhecer o seus colega de escritório. Afinal, isso é realmente o que acontece hoje em dia, a correria dos tempos modernos faz com que o “bom dia” seja a conversa mais longa e cordial entre funcionários de uma empresa.

A guerra contra as drogas é um problema de âmbito mundial que está longe de ser exterminado. Com o surgimento de novos produtos químicos e o interesse capitalista do homem, a tendência é de a droga sempre vá existir.

Em O Homem Duplo, Keanu Reeves vive um viciado altamente afetado pelo uso da Substância-D e que no final.... bem isso fica para o filme! Para aqueles que não estão habituados a ver filmes que fogem aos padrões normais, aconselho ficarem em casa, ou aguardar o lançamento em DVD da obra. Já os que gostam de um visual colorido e do teor psicodélico Pinkfloydiano... sejam bem vindos a esta obra incomum do diretor Richard Linklater.

 

Lucas Vandanezi
lvandanezi@scoretrack.net


RELEASE DA WARNER

A guerra interminável e frustrada dos Estados Unidos contra as drogas se confundiu com a guerra contra o terrorismo. O relutante policial disfarçado Bob Arctor (Keanu Reeves) segue ordens para começar a espionar seus amigos, Jim Barris (Robert Downey Jr.), Ernie Luckman (Woody Harrelson), Donna Hawthorne (Winona Ryder) e Charles Freck (Rory Cochrane). Quando recebe a ordem de vigiar a si mesmo, ele inicia uma jornada paranóica ao absurdo, onde identidades e lealdades são impossíveis de decodificar. Com base nas práprias experiências do famoso escritor de ficção científica Philip K. Dick, O Homem Duplo conta a história sombriamente cômica, cáustica, mas profundamente trágica do uso de drogas no mundo moderno. O filme se desenrola como uma graphic novel que se torna real com a fotografia e com atores a partir de um processo de animação avançado, um método conhecido como rotoscopia interpolada, primeiro empregado pelo roteirista/diretor Richard Linklater no filme Waking Life, de 2001, para criar uma versão obsessiva dos Estados Unidos daqui a sete anos.

PRIMEIRA IMPRESSÃO
VOLTAR PARA A PÁGINA INICIAL