Sci Files
www.scoretrack.net


A Saga de Dylan Hunt

O Capitão Dylan Hunt e a tripulação da Andromeda Ascendant

Rommie, a nave em forma feminina

A Andromeda Ascendant

Majel Roddenberry, durante a  década de  90, encontrou rascunhos de novas idéias para séries criadas pelo seu falecido marido Gene Roddenberry, o criador de Jornada nas Estrelas. Reconhecendo o potencial comercial de alguns deles, usou-os como base para novos projetos televisivos. Um deles foi Terra: O Conflito Final (exibida no Brasil há alguns anos pelo então canal pago USA, hoje Universal), que devido ao seu sucesso possibilitou a criação de outra série: Gene Roddenberry's Andromeda.

A Tribune Entertainment (uma produtora independente) negociou com os advogados de Gene o desenvolvimento da nova série. Kevin Sorbo (o Hércules da série dos anos 90) foi escolhido para interpretar o Capitão Dylan Hunt, que após ficar trezentos anos em animação suspensa a bordo de sua nave, a Andromeda Ascendant, reúne uma tripulação de aventureiros e os convence a ajudá-lo a reerguer a Commonwealth, a outrora vasta Comunidade Interestelar cujo declínio iniciou após ter sua frota destruída pela raça dos nietzscheanos.

Tomando o ponto de vista da criação mais famosa de Roddenberry, Jornada nas Estrelas, Andromeda trabalha com o seguinte conceito: o que aconteceria se a nave Enterprise ficasse desaparecida, e quando retornasse descobrisse que a Federação Unida de Planetas havia sido destruída? Conhecendo o perfil dos Capitães James Kirk e Jean-Luc Picard, sabe-se que eles tentariam reerguer a Federação. E é esta justamente a missão de Dylan, reerguer a Comunidade que fora destruída 300 anos atrás por uma guerra civil, iniciada pelos nietzscheanos.

Na primeira temporada da série, além de Dylan compõem a tripulação da Andromeda o nieztscheano Tyr Anasazi (Keith Hamilton Cobb), a comandante da nave Eureka Maru e Primeiro Oficial da Andromeda Beka Valentine (Lisa Ryder), o engenheiro e quebra-galho da nave Seamus Harper (Gordon Woolvett), o magog Reverendo Ben (Brent Stait), a alien com rabinho e de cor esquisita Trance Gemini (Laura Bertram) e a própria nave Andromeda, dotada de inteligência artificial e cujo avatar e corpo andróide são interpretados pela bela atriz Lexa Doig.

No final da temporada, descobre-se que os magogs estão preparando uma invasão que pode devastar três galáxias. Durante a segunda temporada eles continuam buscando a adesão de mundos e sistemas para o novo governo galáctico, quando descobrem que os pyrianos (uma raça muito poderosa e inimiga da antiga Comunidade) estão de volta. Também surge a ameaça do Abismo (aliens invasores de outra dimensão).

No inicio da terceira temporada já esta formada uma nova Comunidade, com cinqüenta planetas membros. Contudo, além do baixo orçamento e do afastamento progressivo de Robert Hewit Wolfe da produção, este foi um dos maiores problemas de Andromeda: criar tão cedo uma nova Comunidade tirou o foco principal da série. No final desta temporada, Tyr trai Dylan e assume o controle do Império Nietzscheano para combater a  ameaça do Abismo, e até mesmo a nova comunidade. Em seu lugar, entra para a tripulação da Andromeda na quarta temporada Telemachus Rhade (Steve Bacic), o descentende do antigo Primeiro Oficial da Andromeda Gaheris Rhade, que já havia traído Dylan no passado.

Nesta temporada até a comunidade interestelar, que está sendo manipulada pelos coletores, se torna inimiga da tripulação da Andromeda. No final da temporada Dylan derrota os magogs, que estavam aliados ao Abismo, e descobre-se que o capitão é um ser atemporal. A série teve cinco temporadas exibidas nos EUA, entre 2000 e 2005. A série é transmitida no Brasil pelo canal pago AXN.

Guilherme da Costa Radin

VOLTAR PARA SCI FILES